Início » Sem categoria » Diminui o IDH da China

Diminui o IDH da China

Os resultados do IDH mundial saíram agora. E o Brasil caiu, ou melhor, como dizem os jornais, à frente o Valor, o jornal de economia do País, travou pela primeira vez. Lembram-se os leitores o que é o IDH? É aquele índice feito pelo PNUD, da ONU, há 25 anos, para medir o avanço do bem-estar social dos países. No fundo, é um índice para países ricos.

Quando eu era Governador, esse índice não existia. Media-se o desenvolvimento dos países com o índice do PIB, isto é, a soma de todas as riquezas. Eu paguei, acusado, durante 50 anos, de ter levado o IDH a ser o menor do Brasil. Eu, e não todos os governadores que foram eleitos depois da criação do IDH, em 1990. Portanto, mesmo quando esse índice não existia, as cartomantes do ódio já diziam que ele seria criado e que eu seria o culpado.

Agora o IDH do Maranhão, durante o Governo Roseana, saiu do 26º para o 24º lugar. Assim, melhorou dois lugares. E o Brasil tem hoje o 79º lugar, e é a 9ª economia do mundo. No meu tempo de Presidente, o País subiu, passando de oitava para sexta economia mundial.

A China, em IDH, ocupa o 90º lugar, bem atrás do Brasil. Mas é o 3º PIB mundial, com a poderosa economia que domina o mundo.

Agora o seu IDH — repito! — ocupa a 90ª posição. Em números, nos quatro anos, a China subiu de 0,700 para 0,738. E o Maranhão, só no último Governo Roseana, subiu de 0,631 para 0,678. Em 4 anos, no mesmo período, a China subiu 5%, enquanto o Maranhão, 7%. Estes números mostram como o IDH é distorcido. Vamos esperar agora o Maranhão para todos. Eu fui o responsável por estes números chineses? O comunismo “StaliDino” culpará a mim?

Mas o Maranhão, a exemplo da China, é hoje o 17º PIB dos Estados da Federação. À frente de muitos Estados brasileiros. E dizem que somos os mais pobres. Mas nos números da Consultoria Tendências – últimos dados conhecidos –, o Maranhão caiu 3,3%, em 2015, e 6,9%, em 2016.

E o Estado cresceu, de 2010 a 2014, numa média maior que a do Brasil antes do Maranhão para todos. Para onde foi a queda que o Estado sofreu? Para o Maranhão para todos, isto é, todos estão pior de vida, de emprego e sem possibilidade de trabalho.

Enquanto isso, graças a Deus, vencemos o Uruguai, o Tite vai mundo bem, e nosso time, ganhando sempre. Infelizmente, nosso Sampaio Corrêa não alcançou a posição que queríamos. Mas vamos chegar lá.

E as chuvas chegaram bem. Chove de dar inveja a São Raimundo Nonato, no Piauí, onde, há cinco anos, não cai uma gota d’água. O medo é que, quando chover, as crianças não entendam como vem água do Céu.

Bem-vindo sua Excelência o inverno.

José Sarney

 

Leia também: