Início » Blog » Sarney recebe homenagem dos servidores do Senado

Sarney recebe homenagem dos servidores do Senado

 

 

Sarney recebe homenagem dos servidores do Senado

Das homenagens recebidas pelo senador José Sarney, que está se despedindo da atividade parlamentar, poucas o emocionaram tanto como o café da manhã oferecido pelos servidores do Senado Federal, na última sexta-feira (19/12). O restaurante dos senadores ficou pequeno para receber os funcionários que fizeram questão de se despedir de Sarney pessoalmente. O encontro ainda teve a participação do Coral do Senado, um dos muitos legados da administração de Sarney, e que sempre contou com o apoio do parlamentar para que pudesse se transformar, hoje, em um dos mais importantes grupos artísticos da capital do país.

O encontro com os servidores foi promovido pela Associação dos Servidores do Senado (Assefe) e pelo Sindicato dos Servidores do Poder Legislativo (Sindilegis), representados pelo presidente da Assefe e vice-presidente do sindicato Petrus Elesbão. Para o ex-presidente da República e senador José Sarney, foi uma demonstração da harmonia que sempre marcou as relações entre o corpo funcional da Casa e sua administração.
“A tradição, em geral, é de atrito entre a Mesa Diretora e os servidores”, disse José Sarney, após a homenagem. “Eu não acredito que se possa trabalhar sem estabelecer um clima de harmonia e compreensão. Eu acredito que consegui essa empatia, todos esses anos, em que fui político e administrador. Ele fez questão de reafirmar que o corpo funcional do Senado é, atualmente, “o melhor do serviço público brasileiro”.
Para o presidente da Assefe, José Sarney foi o senador que promoveu as mais profundas mudanças administrativas na Casa, modernizando-a e dando transparência ao processo legislativo, sempre em parceria com os funcionários. Ele entregou ao ex-presidente uma placa de metal, na qual as entidades registram a admiração dos servidores por Sarney e reconhecem os inúmeros legados deixados por ele nos períodos em que comandou o Senado.
Para a ex-secretária-geral do Senado Claudia Lyra, Sarney foi um dirigente exemplar, que enfrentou o desafio de organizar a rotina do Senado e de modernizar os canais de comunicação da instituição com a sociedade. Mas também foi um mestre para todos que trabalharam com ele. Dessa forma, disse ela, Sarney conquistou uma legião de amigos.
Também fizeram questão de deixar uma mensagem de afeto ao senador a ex-diretora-geral do Senado Doris Peixoto; o ex-secretário de Comunicação Social da Casa Fernando Cezar Mesquita; a diretora-adjunta de Gestão do Senado, Ilana Trombka; Hélio José, suplente que assumirá a vaga do senador Rodrigo Rollemberg (PSB-DF), eleito governador do Distrito Federal; e Jorge Nova da Costa, suplente de Sarney pelo Amapá, entre outros.
Emocionado, o senador José Sarney agradeceu as muitas mensagens de apoio e de carinho e afirmou que, de todas as homenagens que recebeu, a dos servidores foi a mais tocante. “Foi uma demonstração do carinho e da generosidade das pessoas que trabalham aqui”, disse o parlamentar, que não perdeu o bom humor ao falar da aposentadoria. “Vou sentir falta de todos vocês, desse Senado que eu amo. Mas, agora, eu preciso é comprar pijamas”.

 

Leia também: