Início » Blog » Sarney lamenta a morte do acadêmico Ivan Junqueira

Sarney lamenta a morte do acadêmico Ivan Junqueira

O senador José Sarney lamentou profundamente a morte do poeta, jornalista, tradutor e colega da Academia Brasileira de Letras Ivan Junqueira, aos 79 anos, no Rio de Janeiro. Para ele, Junqueira foi um “trabalhador da cultura brasileira”, que deixa como legado algumas das mais belas páginas da poesia contemporânea nacional e traduções “memoráveis”.

“Ivan Junqueira é um dos grandes poetas contemporâneos do Brasil e um grande tradutor. As suas traduções de T.S. Eliot (1888-1965) são memoráveis e tão belas quanto os poemas escritos em inglês. Um homem que teve grande destaque nas letras brasileiras, um trabalhador da cultura e um grande benfeitor da Academia, na qual se realçava pela sua autoridade, pela sua competência. Como presidente da Casa, fez uma administração marcante. É com uma profunda saudade e grande comoção que tenho que enfrentar a realidade de que ele não está mais aqui entre nós,”, disse José Sarney, ao saber da morte do acadêmico.

 

Leia também: