Início » Blog » Sarney é o grande homenageado em jantar promovido por Michel Temer

Sarney é o grande homenageado em jantar promovido por Michel Temer

Uma noite de homenagem e agradecimento a José Sarney. Com a presença de ministros, governadores de estado e da presidente Dilma Rousseff, a bancada do PMDB na Câmara e no Senado, compareceu em peso ao jantar oferecido pelo vice-presidente da República, Michel Temer ao senador José Sarney , na última quarta-feira, 27.

Foto: Roberto Stuckert Filho

Foto: Roberto Stuckert Filho

 

Cerca de duzentos convidados estiveram presentes no evento. Com mais de 50 anos de vida pública, Sarney deixou a presidência do Senado no último dia primeiro de fevereiro. Ao longo dos 4 mandatos em que esteve à frente do Senado, marcou sua gestão pela modernidade, valorização da comunicação e pela busca da transparência.

Durante o jantar no Palácio do Jaburu, Sarney sentou-se numa mesa ao lado da presidenta Dilma Rousseff, do presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves, do presidente do Senado, Renan Calheiros, da governadora do Maranhão, Roseana Sarney. Também compôs a mesa a ministra Ideli Salvatti das Relações Institucionais.

 

Foto: Roberto Stuckert Filho

Foto: Roberto Stuckert Filho

 

O senador Romero Jucá destacou a importância de Sarney para a unidade do PMDB. “A liderança de Sarney e seu espírito conciliador são fundamentais para a coesão do nosso partido”, afirmou.

O presidente do Senado, Renan Calheiros, ressaltou o empenho de Sarney à frente da presidência do Senado. “Sarney ajudou a modernizar o Senado, criou um eficiente sistema de comunicação, fez muito pelo país e como o presidente de um Poder, sempre soube assegurar a governabilidade do Brasil, mesmo nos momentos mais conturbados”, concluiu Renan.

 

Foto: Roberto Stuckert Filho

Foto: Roberto Stuckert Filho

 

O vice-presidente da República, Michel Temer, lembrou a trajetória política de Sarney e disse que o senador merece ser homenageado por várias razões. “Ex-presidente da República, governador, deputado federal, senador e membro da Academia Brasileira de Letras, em face da sua produção literária. A homenagem maior que se lhe deva fazer é por ter presidido o país no momento de sua transição democrática”, afirmou.

 

Leia também: