Início » Blog » Sarney é homenageado em lançamento de tradução de “A Duquesa Vale uma Missa” em Madri

Sarney é homenageado em lançamento de tradução de “A Duquesa Vale uma Missa” em Madri

 

A última quinta-feira (25) foi uma noite  de muita emoção para o senador e escritor José Sarney, que participou, em Madri, do lançamento em espanhol do livro “A duquesa vale uma missa”. O discurso de apresentação de “La duquesa bien vale uma misa” foi feito pelo escritor espanhol e especialista em literatura brasileira, Antonio Maura.

Sarney é homenageado em lançamento de tradução de “A Duquesa Vale uma Missa” em Madri

O romance de autoria de Sarney foi publicado em 2007 e a partir da misteriosa história do quadro da Duquesa de Villars, obra prima da pintura universal, José Sarney desenvolveu a trama, misturando lutas familiares, segredos de alcova, movimentos políticos clandestinos, mesquinharias e pecados de uma família, levando o personagem central, Leonardo, às bordas da loucura, dominado por uma paixão que lhe consumia a vida inteira.

Durante o discurso de apresentação do livro de José Sarney, “La duquesa bien vale uma misa”, Antonio Maura, destacou o importante papel do escritor maranhense, que ocupa a cadeira 38 da Academia Brasileira de Letras, por ter escrito mais de uma dúzia de livros de poesia, contos, romances, histórias e centenas de artigos, palestras e discursos.

“Sarney tem escrito sobre a política, a sua especialidade; sobre literatura, sua vocação; e sobre a vida, como bem exemplifica o livro que hoje apresentamos”, disse Antonio Maura.

O escritor espanhol, Antonio Mauro, comparou a obra de José Sarney, a uma pintura do século XVI.

“Uma imagem de grande beleza, retratando algumas senhoras tão misteriosas quanto Capitu, que nunca saberemos se era ou não fiel ao protagonista e narrador da história. O mistério também parece cercar a duquesa de Villars, retratado no quadro a bela senhora que brilha o sossego da sua moldura de toda a cena, todo o escopo deste romance de José Sarney”, afirmou.

Antonio Mauro, em seu discurso, percorreu toda a produção literária de José Sarney e citou várias passagens das obras do escritor e político maranhense.

’La duquesa bien vale uma misa’ é um romance complexo, o qual vem surgindo e se movendo através de outras obras de seu autor, é um jogo de espelhos, em vez reflexões, como eu disse ao comentar uma citação de ‘The Lord of the Sea’, ele é a personificação da beleza, como no caso de ‘Saraminda’”, descreveu o autor espanhol Antonio Mauro.

Ao finalizar o discurso de apresentação da obra de José Sarney, o escritor espanhol, Antonio Mauro, disse que ’La duquesa bien vale uma misa’ é mais do que um simples romance, é uma profunda reflexão sobre o amor e as questões humanas.

’La duquesa bien vale uma misa’ é mais do que um romance simples, é uma profunda reflexão sobre o amor e questões humanas, sobre portas, janelas e espelhos que brilham e surgem abrindo novas perspectivas, mostrando que não há muita diferença entre o que imaginário e real, porque nunca vai saber se o que vemos é simplesmente um reflexo ou uma presença real. Não é apenas isso, uma sinfonia de reflexões, espelhos e portas, ’La duquesa bien vale uma misa’ é também uma celebração da beleza e da sensualidade, uma bela canção”, finalizou Antonio Mauro.

 

Leia também: