Início » Blog » Resposta à Folha de S. Paulo

Resposta à Folha de S. Paulo

O assessor de imprensa da presidência do Senado Federal, Fernando Cesar Mesquita, esclarece equívoco publicado da Folha de S. Paulo

A reportagem “Senado adia reforma que pouparia R$ 150 milhões” (“Poder”, ontem) sustenta uma versão equivocada: a de que o presidente do Senado, José Sarney, contratou estudo da Fundação Getulio Vargas porque “estava envolvido em suspeitas de fraudes em sua gestão”.

Não há, nas quatro gestões de José Sarney à frente do Senado, uma única comprovação sobre as ditas “suspeitas de fraudes” a ele atribuídas.

No que se refere aos chamados “atos secretos”, tão logo tomou conhecimento, o senador José Sarney mandou abrir sindicância para apurar denúncias e todos os envolvidos foram punidos.

Fernando Cesar Mesquita, assessor de imprensa da presidência do Senado Federal.

 

Leia também: